Besta

A Besta não faz nada por menos que violentíssimo e rapidíssimo. A Besta, por isso, só se relaciona com o secular de mãos dadas com o profano, com a heresia de olhos postos no fogo que usarão para incendiar palcos, monumentos e almas e com a a clareza de quem sabe que o corpo não aguenta mais do que certa dose de porrada — contudo, fica prometido um abuso de todas as doses propostas. Eles dizem-no, e bem, “Ajoelhem-se perante a Besta”. Nós acrescentamos: dêem uns mergulhos com ela. Sim, a Besta vai testar pirotecnia humana com a água da piscina.

Vídeo

Bandcamp

Facebook

 


Loading