Holocausto Canibal

Holocausto Canibal

Se, olhando para o nome Holocausto Canibal, não ficar claro que tipos de sujidade, barulheira e agressão se deverão esperar dos portuenses, então este não será um concerto para ver. Ainda que o contrário seja mais do que aconselhável — afinal, quem não gosta de surpresas? Portanto, spoiler alert: muito rápido, muito violento e, provavelmente, muito gráfico, ao nível de Peter Jackson nos tempos áureos de “Braindead” e das suas diatribes gore. Levem impermeável, para não sujarem a roupa com salpicos.

Vídeo

Facebook

 


Loading