Papir

A mitologia, como explicação do que não sabemos, é a matéria do sonho colectivo. Em papiros, orientados pela posição dos astros, desenhava-se a estrutura dos sonhos do Egipto antigo; em Papir, por seu lado, desenham-se os sonhos e a imaginação pela tinta dos intermináveis solos de guitarra, assentes no balanço de um rock de baixo e bateria bem abrasivo. Psych rock, amigos, é em poucas palavras, o mundo de que tratam os Papir.

Vídeo

Bandcamp

Facebook

 


Loading